sábado, 10 de janeiro de 2015

Léo Maia, filho adotivo, conta sobre quem foi Tim Maia na vida real

Por Pedro Zambarda


Léo, o que você achou sobre edição da televisão ao filme de seu pai? Distorceram demais?

Cara, não foi do documentário da Globo que eu não gostei, mas achei de verdade o filme ruim. O diretor [Mauro Lima] deixou minha avó branca no filme, sendo que ela é descendente de índia! Meu avô é descendente de português, não negão. São detalhes que uma pessoa que trabalha com cinema deveria saber que são erros, fora a desorganização cronológica.

Se o Tim estivesse vivo, o que ele faria ao ver o filme, considerando o quanto ele era combativo com a Globo?

Meu pai não é vagabundo, nem porco e nem feio como esses brancos dizem no filme. O Tim Maia, por tudo o que ele fez, aceitaria ouvir a história que contaram sentado num sofá? Ele não aceitaria nada disso. Nascido e criado por ele, eu mesmo não aceito isso. Já vi ele organizar grandes festas e arrumar confusões, mas nunca vi ele arrumar uma briga sem ter as razões dele. Ele brigou para a gente ter nossa própria gravadora, nosso próprio espaço e para fazer a nossa arte. Transformaram meu pai num zé ruela, bicho. Meu pai era um amante do Brasil e de sua diversidade em todos os hábitos da sua personalidade.

Como era o Tim Maia que você conheceu?

Meu pai não era depressivo e nem tinha o olhar de morte daquele personagem do filme. Ele tocava violão e criava músicas geniais pela manhã, num clima bem tranquilo. Meu pai, pra quem conhece, era muito amoroso. Cuidava de 80 crianças e ficava rindo das coisas. Ele fez besteira e foi maluco? Foi. Mas não era só o cara dos antidepressivos. Não conheço ninguém que tenha chamado meu pai de gordo e de filho da puta. Isso tá lá no filme. Ninguém na vida teria a coragem de dizer isso… Ele foi com dois cachorros de verdade numa gravadora porque eles mexeram nos volumes das guitarras, cara!

Tim Maia não levava desaforo pra casa. O diretor do filme levou a liberdade poética ao extremo e não se ateve aos fatos. Tá tudo errado no filme, tá errado do começo ao fim. Tá mal interpretado e não procuraram as pessoas para saber a verdade de todos os fatos. Só alguns amigos do meu pai foram para a versão da TV Globo e defenderam meu pai. A edição deu uma melhorada no desastre que é o filme.

Essas coisas me revoltaram como filho e fica essa molecada vendo isso sem saber a verdade. Os autores fizeram uma pseudopesquisa sobre ele e não retrataram nada sobre a genialidade que existia ali. Tim Maia, por exemplo, tirava o instrumento de quem não sabia tocar e só estava enrolando. E mandava um papo reto. Ele era assim.

A entrevista completa foi publicada no Diário do Centro do Mundo, o DCM.

7 comentários:

raybanoutlet001 disse...

michael kors handbags wholesale
michael kors handbags
nike tn pas cher
fitflops sale clearance
salvatore ferragamo
under armour outlet
cleveland cavaliers jersey
michael kors handbags
michael kors
nike huarache

龙大猫 disse...

nike roshe run
yeezy boost
harden shoes
af1
nike polo shirts
adidas neo
hogan outlet online
ultra boost
michael kors handbags
longchamps

raybanoutlet001 disse...

zzzzz2018.5.17
jordan shoes
salomon
canada goose jackets
coach outlet store online
nike shoes
nike tn
christian louboutin outlet
red bottom shoes
ray ban eyeglasses
fitflops sale clearance

haiyan wu disse...

iniki
kyrie 3
supreme hoodie
cheap ray bans
off white shoes
fila shoes
yeezy boost 350
golden goose sale
supreme clothing
tom ford sunglasses

zzyytt disse...

nmd
nike free
birkin bag
nike cortez men
fitflops sale clearance
coach outlet online
golden goose
nike epic react
adidas yeezy
chrome hearts

5689 disse...

zzzzz2018.9.12
coach outlet online
mlb jerseys
coach outlet
ralph lauren polo
nike blazers
moncler outlet
coach outlet
nike shoes
ugg outlet
longchamp outlet

steve disse...


شركة نقل عفش بالاحساء شركة نقل عفش بالاحساء
نقل عفش داخل مكة نقل عفش داخل مكة
شركة نقل عفش بمكة

نقل عفش داخل جدة نقل عفش داخل جدة
دينا نقل عفش جدة دينا نقل عفش جدة

Posts mais lidos