domingo, 12 de outubro de 2008

Pequeno Dicionário Estiloso

Porque a vida é complicada, mas a moda não precisa ser

Por Roxane Teixeira

Nada como um dia depois do outro. Parece conselho de mãe, mas é, na verdade, um grande mandamento fashion. De que outra maneira poderíamos justificar uma peça considerada o ápice da breguice oitentinha voltando chique – e cara – nessa temporada?

A peça em questão é a calça clochard, termo francês para “mendigo”, ou “vadio”. É inspirada nos moradores de rua de Paris cujas roupas eram vários números maiores; para que as calças não caíssem, eles subiam a cintura o máximo possível, arrematando com um cinto. O resultado era uma pala franzida acima do umbigo e canelas de fora.

Acontece que, como todo mundo sabe, os anos 80 foram uma década estranha. Eis, então, que o pessoal cansado da mesmice das polainas, ombreiras e meias de lurex decide copiar o estilo mendicante, e levar a peça ao escritório, acompanhada de camiseta e paletó. E tanto homens quanto mulheres aderiram – eram tempos de “business women”, afinal.

Tudo isso eu entendo. O que me confunde é o retorno da pecinha, e com a proposta de substituir os clássicos da alfaiataria. Está certo, ela vem bem menos brega. Nos anos 80, a clochard era uma calça comum, comprada dois números maior, e segura por um cinto. Hoje, o modelo solto e sem vinco respeita a numeração de quem veste, e já vem com cintos embutidos combinando.

Ainda assim, eu fico reticente. Qualquer barriguinha é alardeada pelas pregas na região do abdômen. E a cintura super alta achata ainda mais as baixinhas – e os baixinhos. Isso sem contar o ar “vadio” da clochard. A menos que ela faça conjunto com acessórios chiquérrimos (algo consideravelmente mais difícil para os homens), o visual fica desleixado.

Fechando os “contras”, e trazendo algum “pró” do modelo: a clochard fez história na moda. Graças a ela, surgiram as calças baggy – ok, isso não é um “pró”-, e toda a gama de roupas oversize (de “tamanhos grandes”), ajudando a criar a identidade de rappers e skatistas. Talvez seja essa aura de transgressão que tenha trazido a peça de volta, como podemos ver nas vitrines da Colcci, da Carmim, da Canal, da Zara...

Agora, vamos combinar, ninguém bate a preferência nacional: o bom e velho jeans, reto para os homens, baixo – por vezes demasiadamente baixo – para a mulherada. Então, não é como se as calças clochard caíssem de pára-quedas e invadissem o Planeta Moda. Tem como fugir do ranço dos anos 80 e, macacos me mordam, me mastiguem e me engulam, dá para experimentar. Como? Vamos lá.

A saia com jeitão de clochard, com a pala franzida e a cintura marcada, consegue ser uma graça. Sequinha, terminando antes dos joelhos, ela emagrece, e o cinto deixa a peça bastante feminina. E há calças seguindo a tendência com um bom perfume anos 2000. O ideal é procurar uma com a pala um pouco mais curta – nada beirando o peito – e mais ajustadinha. Para não achatar a silhueta, saltos bem altos. Uma idéia é a sandália cor de pele, ou “nude”, promessa da próxima estação, que alonga as pernas.

Já para a ala masculina, os estilosos – e corajosos – podem combinar a calça com jaqueta de couro e óculos aviador. Fica bem rock, e com uma cara bacana de “não-estou-nem-aí”. Mas cuidado redobrado, certo? A clochard em homens pode pender para o “mendigo” ou para o “palhacinho”. Ou para o “fashion”, claro. Mas é difícil.

Critiquei demais, eu sei, mas vou deixar o apelo de sempre: se estiver com vontade de usar, use. Se for embarcar nessa onda dos 80, abuse. E vamos combinar, é melhor não dizer “dessa água não beberei”. Vai que acontece alguma revolução interplanetária, e os extraterrestres descem à Terra, impondo seus hábitos e vestuário. Gente, eu aposto que os ETs usam clochard...

Dúvidas, críticas, sugestões? O que você quer ver na coluna? Comente, ou mande e-mail para o Bola da Foca. Nós queremos saber sua opinião!

Clochard da foto: Giulia Borges. Imagem retirada do Google Imagens.

4 comentários:

Pedro Zambarda disse...

Essa moda é quase hippie, haha.

Calças largas são confortáveis, muito mais do que estilo.

Beijão, Rox!

Bruna Caricati disse...

Outra peça que promete é a calça jeans masculina...Mas que será usada pelas mulheres! É,a moda já faz sucesso lá fora. Famosas, como Victoria Beckham e Katie Holmes aderiram à tendência.
Bom, em mulheres magras e altas, creio que deva cair bem, pois dá um ar despojado. Além disso, convenhamos...Deve ser confortável!

Roxane Teixeira disse...

Todos unidos pelo conforto! E, se cair bem no corpo, e ficar bacana, melhor ainda...

DANY PIRES disse...

PEDIDO!!! CADÊ SEUS OUTROS POSTS??? O DICIONÁRIO ESTILOSO VAI TERMINAR O ANO SEM EDIÇÃO ESPECIAL "FESTAS"???

ADOREI AS DICAS, FICOU O GOSTINHO DE QUERO MAIS....

Posts mais lidos