quinta-feira, 12 de março de 2009

A leitura social como reflexão de uma área

Pouquíssimos estudos científicos conseguem retratar uma trajetória de vida. Normalmente, o pesquisador se apega ao objeto de crítica ou em sua própria linha de análise, sem, no entanto, se revelar ao leitor. Liráucio Girardi Jr., ao contrário da maioria, revela sua posição como professor da disciplina de sociologia na Cásper Líbero no livro Pierre Bordieu: Questões de Sociologia e Comunicação, de 2007, lançado pela editora Annablume com incentivo da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP). "(...) este livro é - porque não dizer - um esforço de objetivação da minha própria posição no campo acadêmico, isto é, um possível (e precário) "acerto de contas" com a minha formação sociológica e com a minha própria posição no campo da Comunicação" confessa o autor, logo no começo das páginas do estudo.

Mas como contar sobre si mesmo sem fugir de uma pesquisa coesa? Talvez se o objeto for parte de sua visão de mundo, do seu viés particular que, sendo ou não sociologia, constitui sua principal motivação profissional? Por esse motivo os assuntos do estudo referem-se todos ao sociólogo Pierre Bordieu, um dos teóricos mais lidos em obras sobre o subdesenvolvimento (sociologia da Argélia), as relações de jogo ou illusio sociológico e o grande sistema que agrega todo um interacionismo simbólico entre as pessoas (os agentes), chamado "Economia das Trocas Simbólicas".

O livro apresenta e reapresenta Pierre Bordieu do começo ao fim, sendo sua linha condutora de raciocínio. Os temas são apresentados começando pela comunicação no mundo moderno e o conceito de "indústria cultural" para encerrar seu texto em possíveis razões para a produção de significados neste mundo, resolvendo parcialmente um problema inicial do trabalho, que é a sociedade atual. Bordieu foi também tema de outras pesquisas em diversos aspectos da sociologia e das comunicações nos trabalhos de Liráucio. No entanto, esse livro não se resume aos preceitos do intelectual francês, passando pelo questionamento da comunicação de Gabriel Cohn, o teórico apocalíptico "que deve ser revisado" Theodor Adorno e até os estudos culturais ingleses de Raymond Willians, que inserem a antropologia como fonte de saberes na pesquisa de cultura e comunicação.

"Como lidar, então, com o momento da invenção, com aquilo que é fluído e não se deixa registrar senão na própria situação, na própria interação?" indaga o autor sobre o campo inconstante que é a natureza do habitus, o principal fator que condiciona os agentes na interação da sociologia simbólica de Bordieu. De certa forma, esse princípio reflete o funcionamento da própria comunicação: registrada historicamente, mas fruto de um trabalho estéril do momento, das necessidades do tempo. Para entender, tanto a controvérsia de se fazer comunicacar quanto receber mensagens, como audiência massificada ou não, Liráucio, baseado em seus referenciais, supõe que o ser é sociológico e segue regras de um jogo de imagens e significados. A sociologia é "reposicionada" como crítica de uma área específica do conhecimento, dando um sentido para suas ações e reações.

A leitura do livro não é tão simples, necessitando de um repertório breve do leitor (é mais fácil no caso de ex-alunos de Liráucio). No entanto, sua mensagem é universal a todos os comunicadores e pessoas interessadas nesse processo tão controverso. "Entender as condições sociais necessárias para a produção do sentido (o senso prático da vida social), para a construção de trocas simbólicas objetivadas é o que se coloca como desafio ao sociólogo na produção de uma Economia de Trocas Simbólicas".

É, certamente, o sucessor do livro Sociologia da Comunicação: Teoria e Ideologia do sociólogo Gabriel Cohn (de 1973), definido por Liráucio como o livro que "procura mapear o desenvolvimento dos conceitos, historicamente elaborados, para pensar o significado da comunicação no mundo social de um modo esclarecedor e desmistificador". Com a teoria de Bordieu no suporte, os conhecimentos interdisciplinares nas formações de significados são a fonte que o teórico Liraúcio Girardi Jr. usa nesse trabalho, não no intuito de tornar a comunicação um processo reduzido, mas amplo e dinâmico na medida em que suas estruturas são desconstruídas.

Resenha dedicada aos alunos que frequentaram as aulas e as discussões na disciplina Sociologia da Comunicação, no 1º ano da Faculdade Cásper Líbero, e que puderam testemunhar parte do trabalho do professor Lira.

27 comentários:

jorge telles disse...

Bajulador.

Pedro Zambarda disse...

você também é.

Eu só tenho muito curiosidade de saber o que você bajula, exatamente ;]

Pega no meu pirulito, Jorginho.

Diego disse...

"Pega no meu pirulito, Jorginho"? É com essa classe que um futuro jornalista responde a uma crítica feita a seu texto?

Pedro Zambarda disse...

sim. Quer que eu floreie mais?

Thiago Dias disse...

Uau..dois chatos comentano um mesmo texto. O de sempre e o outro que adora da liçãozinha de moral.

Enfim, gostei da resenha, mas devo admitir que é necessário certa coragem para lê-lo

Pedro Zambarda disse...

A questão não é se há dois chatos.

Eu resolvi comentar com total liberdade que queria que ele pegasse um pirulito. Mas, ok, se o Diego quer mesmo saber, eu bajulo o professor Lira e não fiz essa resenha por pura vontade.

Isso satisfaz o eleitorado?

Diego disse...

Thiago, podemos até ser quatro chatos comentando o mesmo texto, mas essa discussão é importante para um blog, não acha?

Se discorda, por que permitir a publicação de comentários que vão contra a sua opinião?

Pedro Zambarda disse...

enfim, eu não sou puxa-saco do Lira. Só li o livro e comentei. ponto.

André Sollitto disse...

Essas divergências estão transparecendo no blog. É só reparar no número de postagens.

Diego disse...

Realmente, o número de comentários tem aumentado bastante. Mas isso não quer dizer que todos os colaboradores do Bola da Foca estejam dispostos a uma discussão aberta.

Mais importante do que o número de “polêmicas” são as idéias e reflexões que podemos tirar dos debates. E estas serão cada vez mais escassas enquanto alguns editores do blog persistirem em baixar o nível das discussões.

PS: Não é “liçãozinha de moral [sic]”. É apenas minha opinião.

Cecília do Lago disse...

Engraçado, aonde tem polêmica tem sempre as mesmas pessoas, né Diego?

1° - não é ético você, Pedro, responder ao leitor (no caso o Jorge Telles) desse jeito. Ele expressou a opinião dele e não importa qual a relação que você tenha com o sujeito (se é homossexual, se ele é seu filho bastardo, se ele é seu alter ego, enfim...) numa publicação a relação de vocês é JORNALISTA/LEITOR, e isso exige respeito. O fato de ele bajular ou não alguém não redime a crítica que ele fez a você.

2º - A única pessoa que está realmente interessada em fazer críticas construtivas é o Diego. E se você acha que ele tá dando lição de moral, então é você quem está realmente precisando de lição, Thiago.

3º - Minha crítica: Pedro, me parece que o seu texto foi feito mais para agradar à sua fonte do que ao seu leitor. Isso aqui tá aqueles diálogos do José Wilker...

4º - Concordo com o Jorge Telles, também terei de segurar em pirulitos para dar minha opinião.

Pedro Zambarda disse...

sim, eu fiz o texto para divulgar o trabalho do professor Lira. O Bola da Foca é um espaço onde as pessoas se pautam (em algumas ocasiões não, mas normalmente eu permito essa liberdade).

Se isso é bajulação, eu sou obrigado a discordar. Foi uma análise crítica, buscando mostrar o trabalho de uma maneira completa.

Eu já tive longas conversas com o Diego fora daqui. Posso não parecer gentil, mas se eu realmente não aceitasse críticas, vocês não estariam falando aqui.

Ouvimos vocês, mas a gente tem direito de ser teimoso. O único caso em que isso não se aplica é a gramática. Idéias servem para serem debatidas, dona Cecília "sem mais". Ok?

Pedro Zambarda disse...

Só um adendo: as discussões nunca foram iguais aqui. Já vi Nina discutindo com Mariana Bruno, Mariana Bruno com Thiago Dias e Thiago Dias contra Fernando Gonzalez e Lidia Zuin.

Podem até ser com algumas repetições, mas são causas diferentes. Você e o Diego não são o centro da Terra, Ciça.

Cecília do Lago disse...

Engraçado, não li nenhum texto crítico. Aliás, ele mais distancia o leitor do trabalho do Liráucio do que aproxima.

"sim, eu fiz o texto para divulgar o trabalho do Lira." isso não é jornalismo. É publicidade. Agora, se fosse "sim, eu fiz o texto para promover uma discussão sociológica que está no livro do Lira" é diferente.

O "sem mais" é apenas um recurso estilístico que uso para dar um ponto final ao meu próprio comentário. Veja lá no dia das mulheres que eu continuei comentando mesmo depois do "sem mais".

E eu ainda não vi pirulito nenhum.

Pedro Zambarda disse...

Tá Cecília, eu fui infeliz na palavra "divulgar". Eu quis dizer discussão sim, senão eu não teria falado de idéias do livro, teria apenas falado que ele é bom.

Pedro Zambarda disse...

e eu fiz críticas quanto a dificuldade de lê-lo. Eu sei diferenciar sim jornalismo de PP. Mas ocorre divulgação nesse processo, também.

Cecília do Lago disse...

Então foi um exercício de metalinguagem, pois só isso justificaria a dificuldade do seu texto. O texto difícil falando de um livro difícil (não lerei o livro, professor Lira, me desculpe, o texto já me diz que ele é muito acadêmico e eu não sou muito dada (ui!) a coisas acadêmicas).

Olha, sei que vou receber pedradas, mas nas últimas semanas estou ficando cada vez mais preocupada.

Esse texto está ruim. Eu não entendi nada e tive que me forçar para lê-lo até o final. O leitor não faz isso. A comunicação tá destoada, parágrafos sem ligação, como se tivesse tudo embaralhado.

Poderíamos estar discutindo sociologia aqui, mas quase sempre acabamos discutindo só questões referentes aos comentários, e isso é um mau sinal.

Desculpe a referência a uma emissora de TV de audiência duvidosa, mas eu começaria o seu texto com "Como já diriam os gregos..."

Tipo, procure escrever o texto pensando mais em quem vai ler, se preocupando em limpar a comunicação dos ruídos que possam surgir devido à dificuldade do assunto.

Segurei bem o pirulito?

jorge telles disse...

Alguém já reparou que só os textos do Pedro Zambarda de Araújo Segundo Ano de Jornalismo dão "problema"? e não só pelas minhas críticas?

Anônimo disse...

Alguém já reparou que são sempre a mesma meia dúzia de babacas que causam problemas?? Perseguição?? Falta do que fazer?? Vida própria extremamente desinteressante?? Imagiiina...!!!

Cecília do Lago disse...

Se você quer ter opinião, tenha um nome primeiro, que é qualidade básica de quem tem coragem.

Fala na cara.

Marília Passos disse...

Nunca pensei que pensamento crítico fosse perseguição, falta do que fazer ou vida desinteressante...

Guo Guo disse...

kate spade sale
tiffany and co
coach outlet online
ghd hair straighteners
abercrombie outlet
nike air max uk
ferragamo shoes
louis vuitton outlet stores
coach factory outlet
air max 95
nike roshe run
hollister uk
insanity workout
ralph lauren
beats headphones
coach outlet
babyliss
iphone 6 case
fred perry shirts
nfl jerseys wholesale
ray-ban sunglasses
pandora
salomon speedcross 3
giuseppe zanotti sale
christian louboutin shoes
hollister clothing
cheap nhl jerseys
fitflop sandals
michael kors outlet online sale
cheap snapbacks
michael kors outlet
kate spade handbags
coach outlet store

mao qiuyun disse...

zheng123 5.13
michael kors sale
true religion jeans outlet
valentino shoes
kate spade handbags
hollister clothing store
coach outlet online
abercrombie outlet
kate spade outlet
roshe run women
coach outlet store
coach outlet
adidas wings
toms shoes outlet online
true religion jeans
michael kors outlet
true religion outlet
soccer jerseys for sale
tods outlet
mlb jerseys wholesale
fred perry polo shirts
chanel handbags
celine outlet
ralph lauren outlet online
fitflop sandals
burberry handbags
beats solo
nba jerseys wholesale
converse shoes
lacoste shoes
salomon speedcross 3
chanel bags
oakley sunglasses

Wei Chen disse...

QF0730
lebron shoes
gucci shoes
blake griffin jersey
dansko outlet
jets jersey
nike sneakers
miami heat jersey
broncos jerseys
evening dresses
camisetas futbol baratas
futbol baratas
minnesota vikings jerseys
the north face clearance
nike free run uk
coach outlet online
football shirts uk,soccer jerseys uk,cheap soccer jerseys uk
north face jackets
juicy couture outlet online
swarovski crystal
cheap oakley sunglasses
warriors jerseys
bears jerseys
true religion jeans
vans for sale
hermes sale

张栋 disse...

tommy hilfiger outlet store
gucci handbags, http://www.guccihandbags-outlet.co.uk/
tory burch outlet
evening dresses
oakley sunglasses, http://www.oakleysunglasses-outlet.us.com
ugg boots uk
true religion sale, http://www.truereligionjean.in.net
mulberry uk
robert griffin jersey,joe theismann jersey,andre roberts jersey,sonny jurgensen jersey,art monk jersey,bashaud breeland jersey,barry cofield jersey,perry riley jersey,e.j. biggers jersey,duke ihenacho jersey,josh morgan jersey
north face jackets
moncler outlet
nike roshe run
north face outlet
coach outlet online, http://www.coachhandbagsoutletonline.us.com/
north face jackets
tory burch shoes
dansko clogs
patrick kerney jersey,bobby wagner jersey,russell okung jersey,max unger jersey,paul richardson jersey,terrelle pryor jersey,richard sherman jersey,byron maxwell jersey,derrick coleman jersey,eric winston seahawks jersey
cheap nba jerseys
san antonio spurs jerseys
blackhawks jersey
replica handbags, http://www.replicahandbag.us.com/
michael kors outlet online
oakley outlet, http://www.oakleysunglasses-outlet.us.com
gucci outlet online
true religion jeans,cheap true religion jeans,true religion jeans wholesale,true religion outlet,true religion sale,true religion outlet online
cartier bracelet
green bay packers jerseys
lebron 12 shoes
vans sneakers

Xianjun Ranqin disse...

qihang0921,nike elite socks
longchamp outlet
cheap jerseys
true religion jeans
canada goose outlet
basketball shoes
coach factory outlet
tod's shoes
coach outlet
canada goose uk
marc jacobs
toms shoes
longchamp handbags
pandora charms
replica watches
gucci shoes
oakley sunglasses
vans shoes
prada
nike air huarache
prada outlet
hermes belt
louis vuitton handbags
soccer shoes
ed hardy outlet
nike roshe run women
cheap jordans
supra shoes
ralph lauren polos shirts
oakley sunglases cheap
ugg outlet
fitflops sale clearance
timberland boots
air max 90
canada goose jackets
swarov ski jewelry
q

mao qiuyun disse...

chanel handbags, http://www.chanelhandbags-outlet.co.uk/
the north face jackets, http://www.thenorthfacejacket.us.com/
canada goose outlet, http://www.canadagoose.us.org/
the north face outlet store, http://www.thenorthfaceoutletstores.org/
ugg boots, http://www.uggboot.com.co/
oakley sunglasses, http://www.oakleysunglasses-outlet.us.com/
hermes bags, http://www.hermesbags.co.uk/
oakley sunglasses, http://www.oakleysunglasseswholesale.in.net/
vans shoes, http://www.vans-shoes.cc/
coach outlet store, http://www.coach-outlet-store.us.com/
coach outlet canada, http://www.coachoutletcanada.com.co/
coach outlet, http://www.coachoutletstoreonline.in.net/
the north face uk, http://www.thenorthfaces.org.uk/
nike air max uk, http://www.nikeairmaxshoes.org.uk/
ray ban sunglasses, http://www.raybansunglass.us.com/
kobe shoes, http://www.kobeshoes.us/
nike free, http://www.nikefreerunning.org/
tory burch outlet, http://www.toryburchoutletonline.in.net/
ugg boots, http://www.uggbootscheap.eu.com/
designer handbags, http://www.designerhandbags.us.com/
cheap wedding dresses, http://www.cheap-weddingdresses.net/
michael kors outlet, http://www.michaelkorsoutletonlinestores.us.com/
air jordan 4, http://www.airjordan4.org/
fitflop, http://www.fitflop.in.net/
the north face outlet, http://www.northface-outlet.cc/
soccer jerseys, http://www.soccerjerseys.us.com/
air max 90, http://www.airmax90.us.com/
swarovski jewelry, http://www.swarovski.in.net/
ralph lauren uk, http://www.ralphlauren-outletonline.co.uk/
1008maoqiuyun

Posts mais lidos